Pular para o conteúdo principal

PARTICIPE DA 3ª EDIÇÃO DO CONGRESSO INTERNACIONAL DE DIREITO MINERÁRIO (DIRMIN)

O desempenho da mineração nas próximas décadas será decisivo para apontar os rumos do desenvolvimento do Brasil. Afinal, nosso País é um dos mais importantes players mundiais nessa indústria. Há, no entanto, muitas questões, presentes e futuras, que precisam ser exaustivamente discutidas, em especial, as que exigem uma reflexão mais acurada sob a ótica do Direito. 

Tendo isso em vista, o Instituto Brasileiro de Mineração (IBRAM) realizará, entre os dias 8 e 10 de maio de 2017, em Brasília (DF), a 3ª edição do Congresso Internacional de Direito Minerário (DIRMIN). O evento terá lugar na Escola da Advocacia Geral da União (EAGU) e conta com a parceria do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM) e da Advocacia Geral da União (AGU).

Os mais renomados especialistas do setor mineral e áreas afins estarão lado a lado com autoridades públicas, juristas e consultores para promover uma ampla discussão, envolvendo temas de grande repercussão.

O objetivo central do Congresso é traçar o panorama e debater perspectivas da indústria mineral, assim como proporcionar uma visão ampla da mineração brasileira e internacional e de temas jurídicos que envolvam a atividade no Brasil e nos demais países. Durante o evento serão debatidas decisões e interpretações da Justiça brasileira, além dos entraves para o desenvolvimento das atividades inerentes ao setor.

O Congresso é, também, mais uma oportunidade para que os profissionais do Direito e tantos outros que se relacionam com a área de mineração aprofundem seus conhecimentos sobre a atuação desse importante segmento produtivo, que influencia diretamente o cotidiano dos cidadãos, bem como a economia como um todo.

A mineração na vida dos brasileiros

Os minérios são essenciais à vida moderna e aos projetos de inovação que beneficiam a todos. Estão presentes em aviões, automóveis, celulares e computadores; em equipamentos que ajudam a construir casas, escolas, hospitais e estradas e em máquinas usadas na agricultura e nos mais variados setores industriais.

A indústria da mineração é uma das principais geradoras de empregos diretos e indiretos no Brasil. Há cerca de 2,7 milhões de trabalhadores envolvidos com a atividade e se destaca, ainda, por contribuir decisivamente para gerar superávits à balança comercial brasileira.

Além disso, contribui de forma decisiva para o desenvolvimento regional. A atividade mineral realizada em regiões distantes de grandes centros urbanos estimula a criação de polos de desenvolvimento, gerando emprego, renda e infraestrutura para as populações, em acordo com as premissas do desenvolvimento sustentável.  

Nas cidades mineradoras e no entorno, as mineradoras podem ser considerados agentes de promoção de qualidade de vida e de indicadores sociais, culturais e econômicos positivos. Tanto é assim que os municípios que sediam indústrias do setor apresentam Índices de Desenvolvimento Humano (IDH) elevados.

DIRMIN: faça sua inscrição agora!

Participar do 3º Congresso Internacional de Direito Minerário é uma oportunidade estratégica para ficar atualizado sobre as principais demandas e debates sobre mineração e o Direito. Participe! Faça agora mesmo sua inscrição.

Para mais informações acesse: http://direitominerario.org.br/2017/index.php



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

(VIDEO) ENGº DE MINAS DA CIDADE DE PICUÍ FOI DESTAQUE NO DOMINGO ESPETACULAR

Em Pindobaçu (BA), conhecida como a capital mundial da esmeralda, garimpeiros encontraram recentemente uma preciosidade que pode valer dezenas de milhões de reais. Trata-se de uma rocha de 1,30 m e 365 kg, cravejadas de esmeraldas, um verdadeiro tesouro geológico debaixo do solo brasileiro. O Domingo Espetacular entrou na mina de origem da pedra e mostra qual deve ser o destino dela. Acompanhe! Na o ocasião o   Engenheiro de Minas, da cidade de Picuí, Paraíba,  Marcelo Araújo Santos,  formado pela Universidade Federal de Campina Grande – UFCG. Falou sobre a mina.
Veja a reportagem: 




Setor mineral em foco com domingo espetacular.

MINERAL RARO PODE TER SIDO ENCONTRADO EM FREI MARTINHO PARAÍBA

A MINA ESCOLA EM SANTA LUZIA PODE SER USADA PARA ATIVIDADES PRÁTICAS DE MINERAÇÃO.

A Mina Escola  fica  localizada as margens da BR-230 que corta o Sertão do Estado da Paraíba, quem passa pela cidade de Santa Luzia com destino à  Patos ou de Patos destino à Campina Grande,  consegue ver suas instalações.
Segundo o técnico em Mineração Antônio de Pádua Sobrinho, a Mina Escola   apesar de está desativada continua sendo um  verdadeiro laboratório podendo  ser utilizada para a realização de  aulas práticas para  estudantes de Engenharia de Minas, de Geologia, e de técnicos em mineração ou até mesmo como ferramenta para projetos que buscam o desenvolvimento da Mineração no Estado. “Percorrendo as instalações da Mina é possível observar que muitas aulas podem ser ministradas no local, como de Geologia, Lavra, desmonte de rochas e beneficiamento de Minérios, ou quem sabe utiliza-la  para o turismo,tendo em vista o seu valor histórico e cultural,  em sua maioria desconhecido pelas gerações mais jovens,  seria  uma forma de preserva esse patrimônio  como acontece em algumas M…