Pular para o conteúdo principal

PICUÍ-PB: ALUNOS DO LORDÃO REALIZAM AULA DE CAMPO SOBRE ARQUEOLOGIA

Os alunos do Projeto de Arqueologia: "Um passado ameaçado" da Escola Estadual Professor Lordão realizaram aula de campo no Sitio Arqueológico Cachoeira do Pedro em Picuí, com objetivo de identificar as ameaças a que estão sujeitos os vestígios arqueológicos no município.


O projeto está em seu segundo ano, é coordenado pelo professor Robson e desenvolvido pelos alunos do Ensino Médio Inovador que se propõem a estudar o processo de ocupação pré-histórica da região e o processo de degradação, seja ele natural ou resultado da ação antrópica.

Durante a aula os alunos foram estimulados a catalogar os animais que caracterizam a fauna local e a flora que compõe o entorno do sítio, bem como refletir sobre a situação em que se encontra o local. Ainda de forma preliminar, os alunos perceberam que, apesar da preocupação e cuidado que a família proprietária do sitio tem, ainda é presente ameaças de banhistas, caçadores, pecuaristas entre outros.

Um dos objetivos do projeto é possibilitar aos alunos a compreensão da conservação do local como instrumento de estudo do passado e a identidade do povo da região. As próximas ações serão desenvolvidas na região seridó do Rio Grande do Norte a uma exposição dos resultados preliminares durante a semana do bioma Caatinga em Picuí.

Mídias no lordão 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

(VIDEO) ENGº DE MINAS DA CIDADE DE PICUÍ FOI DESTAQUE NO DOMINGO ESPETACULAR

Em Pindobaçu (BA), conhecida como a capital mundial da esmeralda, garimpeiros encontraram recentemente uma preciosidade que pode valer dezenas de milhões de reais. Trata-se de uma rocha de 1,30 m e 365 kg, cravejadas de esmeraldas, um verdadeiro tesouro geológico debaixo do solo brasileiro. O Domingo Espetacular entrou na mina de origem da pedra e mostra qual deve ser o destino dela. Acompanhe! Na o ocasião o   Engenheiro de Minas, da cidade de Picuí, Paraíba,  Marcelo Araújo Santos,  formado pela Universidade Federal de Campina Grande – UFCG. Falou sobre a mina.
Veja a reportagem: 




Setor mineral em foco com domingo espetacular.

MINERAL RARO PODE TER SIDO ENCONTRADO EM FREI MARTINHO PARAÍBA

A MINA ESCOLA EM SANTA LUZIA PODE SER USADA PARA ATIVIDADES PRÁTICAS DE MINERAÇÃO.

A Mina Escola  fica  localizada as margens da BR-230 que corta o Sertão do Estado da Paraíba, quem passa pela cidade de Santa Luzia com destino à  Patos ou de Patos destino à Campina Grande,  consegue ver suas instalações.
Segundo o técnico em Mineração Antônio de Pádua Sobrinho, a Mina Escola   apesar de está desativada continua sendo um  verdadeiro laboratório podendo  ser utilizada para a realização de  aulas práticas para  estudantes de Engenharia de Minas, de Geologia, e de técnicos em mineração ou até mesmo como ferramenta para projetos que buscam o desenvolvimento da Mineração no Estado. “Percorrendo as instalações da Mina é possível observar que muitas aulas podem ser ministradas no local, como de Geologia, Lavra, desmonte de rochas e beneficiamento de Minérios, ou quem sabe utiliza-la  para o turismo,tendo em vista o seu valor histórico e cultural,  em sua maioria desconhecido pelas gerações mais jovens,  seria  uma forma de preserva esse patrimônio  como acontece em algumas M…