Pular para o conteúdo principal

SANTA LUZIA- PB: ESTUDANTES DA ESCOLA PADRE JERÔNIMO TIVERAM TRABALHO ACEITO PARA SER APRESENTADO NO IFPB-CAMPUS PICUÍ

Estudantes do 1º ano  do curso de mineração da escola estadual  padre jerônimo lauwen – da cidade de Santa Luzia Paraíba, orientados pelo pesquisador e professor Antonio de Pádua sobrinho, tiveram o trabalho intitulado: "Construção de maquete de beneficiamento de minério como ferramenta de práticas educativas".  Aceito para ser apresentado na  IV Feira de Ciências do IFPB/Campus Picuí que  traz como tema “Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento Social"

 A feira ocorrerá  entre os dias 24 e 25 de setembro de 2014 (quarta e quinta-feira) no IFPB/Campus Picuí, com várias atividades programadas: exposição de experimentos, demonstrações científicas, salas temáticas, oficinas, palestras e atividades culturais.  A Comissão Avaliadora informou que um total de 146 trabalhos foram inscritos, sendo 102 aprovados. Os trabalhos serão apresentados em forma de painéis ou stand. Os estudantes também estarão concorrendo a algumas premiação 

Consulte aqui a lista dos trabalhos aprovados e obtenha informações sobre o evento:   :http://conteudodigital.ifpb.edu.br/eventos/feiradecienciaspicui2014

As Feiras de Ciências são eventos em que os alunos são responsáveis pela comunicação de projetos planejados e executados por eles. Durante o evento, os alunos apresentam trabalhos que lhes tomaram várias horas de estudo e investigação, em que buscaram informações, reuniram dados e os interpretaram, sistematizando-os para comunicá-los a outros, ou então construíram algum artefato tecnológico.

  Segundo o professor Antonio de Pádua, normalmente um bem mineral não pode ser utilizado como é extraído, pois raramente ocorre no estado puro na natureza e em seus jazimentos. Portanto necessita-se, de ser submetidos a algum tipo de beneficiamento, visando seu aproveitamento industrial. A ampliação das necessidades de descrição do meio trouxe a relevância de existir ciências que trabalhem com beneficiamento, uma delas é a de tratamento de minérios.


 “Apesar de se uma disciplina técnica, os alunos promoveram um trabalho de construção de uma maquete de uma unidade de beneficiamento de minério, para entenderem como funciona a mesma. A prática educativa utilizada permitiu que os alunos compreendessem melhor não apenas o funcionamento de uma unidade de beneficiamento, mas a importância técnica de cada elemento e a relação entre a equipe criadora foi melhorada em função do objetivo comum, atividades como essas promovem a união entre teoria e prática.” Disse Pádua.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

(VIDEO) ENGº DE MINAS DA CIDADE DE PICUÍ FOI DESTAQUE NO DOMINGO ESPETACULAR

Em Pindobaçu (BA), conhecida como a capital mundial da esmeralda, garimpeiros encontraram recentemente uma preciosidade que pode valer dezenas de milhões de reais. Trata-se de uma rocha de 1,30 m e 365 kg, cravejadas de esmeraldas, um verdadeiro tesouro geológico debaixo do solo brasileiro. O Domingo Espetacular entrou na mina de origem da pedra e mostra qual deve ser o destino dela. Acompanhe! Na o ocasião o   Engenheiro de Minas, da cidade de Picuí, Paraíba,  Marcelo Araújo Santos,  formado pela Universidade Federal de Campina Grande – UFCG. Falou sobre a mina.
Veja a reportagem: 




Setor mineral em foco com domingo espetacular.

MINERAL RARO PODE TER SIDO ENCONTRADO EM FREI MARTINHO PARAÍBA

A MINA ESCOLA EM SANTA LUZIA PODE SER USADA PARA ATIVIDADES PRÁTICAS DE MINERAÇÃO.

A Mina Escola  fica  localizada as margens da BR-230 que corta o Sertão do Estado da Paraíba, quem passa pela cidade de Santa Luzia com destino à  Patos ou de Patos destino à Campina Grande,  consegue ver suas instalações.
Segundo o técnico em Mineração Antônio de Pádua Sobrinho, a Mina Escola   apesar de está desativada continua sendo um  verdadeiro laboratório podendo  ser utilizada para a realização de  aulas práticas para  estudantes de Engenharia de Minas, de Geologia, e de técnicos em mineração ou até mesmo como ferramenta para projetos que buscam o desenvolvimento da Mineração no Estado. “Percorrendo as instalações da Mina é possível observar que muitas aulas podem ser ministradas no local, como de Geologia, Lavra, desmonte de rochas e beneficiamento de Minérios, ou quem sabe utiliza-la  para o turismo,tendo em vista o seu valor histórico e cultural,  em sua maioria desconhecido pelas gerações mais jovens,  seria  uma forma de preserva esse patrimônio  como acontece em algumas M…