Pular para o conteúdo principal

MINERAÇÃO DE PICUÍ E FREI MARTINHO EM FOCO DURANTE A SEMANA DE SÁUDE DO TRABALHADOR EM CAMPINA GRANDE

Nesta segunda-feira dia 28 de abril de 2014, a pequena mineração dos municípios de Picuí e Frei Martinho localizados na região do Seridó Paraibano foi destaque durante a I Mostra de Experiências Exitosas sobre Saúde e Segurança do Trabalhador, envolvendo municípios da 2ª Macrorregião de Saúde da Paraíba, promovido pelo  Centro de Referência Regional em Saúde do Trabalhador da Secretaria Municipal de Campina Grande o evento ocorreu  na Praça da Bandeira, das 8 às 13 horas.

 Os municípios de Picuí e Frei Martinho foram representados pelos pesquisadores o geólogo e professor do IFPB campus Picuí Francisco de Assis Souza e pelos técnicos em mineração Antonio de Pádua Sobrinho, Paulo Sales e Anselmo Araújo, e pela técnica em segurança do Trabalho da prefeitura de Picuí  Maria José representando a secretária de saúde do município.  que apresentaram uma documentação fotográfica sobre a problemática enfrentada pelos pequenos mineradores da região.


 Segundo os pesquisadores  a  atividade garimpeira desenvolvida no Seridó Paraibano possui registro do início do século XX, passando pelas DUAS GRANDES GUERRAS MUNDIAIS, chegando ao século XXI sem acompanhar a evolução tecnológica imposta ao setor mineral. “A metodologia de lavra e processamento mineral emprega essencialmente equipamentos rústicos, na maioria das vezes fabricados de forma artesanal, enquanto que os garimpeiros trabalham sem o uso de EPIs, ficando potencialmente expostos a acidentes e doenças ocupacionais.” Destacaram


 “ Nos municípios de Frei Martinho, Picuí,  Nova Palmeira e Pedra Lavrada, como em vários outros municípios da região do  Seridó, a exploração mineral acontece à margem da legislação vigente, sem planejamento, resultando em sérios problemas ambientais e sociais, traduzidos em desmatamento desordenado, poluição visual e perda da qualidade de vida causada por doenças dentre as quais a pneumoconiose (silicose).”Frisaram 

É muito importante nossa participação nesses eventos, pois compartilhamos experiências, adquirimos novos conhecimentos e divulgamos  o potencial mineral da nossa região foco de nossas pesquisas.  Durante a exposição além de mostrarmos a problemática destacamos a importância da atividade para a região, os trabalhos que vem sendo desenvolvidos,  e  o apoio  das prefeituras de Picuí e Frei Martinho nestes projetos que  visam melhorias para a atividade mineral da região.”  Concluíram


“O dia 28 de abril também serve de reflexão para os trabalhadores, principalmente aqueles que enfrentam algum tipo de problema de saúde decorrente dos ambientes do trabalho. Aproveitamos a data para divulgar o trabalho da unidade de saúde do trabalhador, que é formada por 70 municípios paraibanos”, assinalou a coordenadora geral do Cerest, Anna Karla Souto Maior.


Amanhã dia 29, haverá uma Sessão Especial na Câmara Municipal de Campina Grande a partir das  10h, para discutir os avanços e desafios da saúde do trabalhador no município. Vão participar do encontro o procurador do Ministério Público do Trabalho, Marcos Antônio Almeida, a secretária de saúde do município, Lúcia Derks,além de autoridades da área, conselheiros municipais e trabalhadores da saúde.

As atividades terminam no 1º de Maio, Dia do Trabalho. No feriado, as secretárias municipais de Saúde, de Cultura, Administração e de Esporte, Juventude e Lazer (Sejel), em parceria com o Ministério Público do Trabalho, realizam a II Caminhada, Corrida e Ciclismo do Trabalhador. A corrida terá concentração, saída e chegada no Parque da Criança. A largada para a caminhada está prevista para as 7h e a da corrida às 8h..


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

(VIDEO) ENGº DE MINAS DA CIDADE DE PICUÍ FOI DESTAQUE NO DOMINGO ESPETACULAR

Em Pindobaçu (BA), conhecida como a capital mundial da esmeralda, garimpeiros encontraram recentemente uma preciosidade que pode valer dezenas de milhões de reais. Trata-se de uma rocha de 1,30 m e 365 kg, cravejadas de esmeraldas, um verdadeiro tesouro geológico debaixo do solo brasileiro. O Domingo Espetacular entrou na mina de origem da pedra e mostra qual deve ser o destino dela. Acompanhe! Na o ocasião o   Engenheiro de Minas, da cidade de Picuí, Paraíba,  Marcelo Araújo Santos,  formado pela Universidade Federal de Campina Grande – UFCG. Falou sobre a mina.
Veja a reportagem: 




Setor mineral em foco com domingo espetacular.

MINERAL RARO PODE TER SIDO ENCONTRADO EM FREI MARTINHO PARAÍBA

A MINA ESCOLA EM SANTA LUZIA PODE SER USADA PARA ATIVIDADES PRÁTICAS DE MINERAÇÃO.

A Mina Escola  fica  localizada as margens da BR-230 que corta o Sertão do Estado da Paraíba, quem passa pela cidade de Santa Luzia com destino à  Patos ou de Patos destino à Campina Grande,  consegue ver suas instalações.
Segundo o técnico em Mineração Antônio de Pádua Sobrinho, a Mina Escola   apesar de está desativada continua sendo um  verdadeiro laboratório podendo  ser utilizada para a realização de  aulas práticas para  estudantes de Engenharia de Minas, de Geologia, e de técnicos em mineração ou até mesmo como ferramenta para projetos que buscam o desenvolvimento da Mineração no Estado. “Percorrendo as instalações da Mina é possível observar que muitas aulas podem ser ministradas no local, como de Geologia, Lavra, desmonte de rochas e beneficiamento de Minérios, ou quem sabe utiliza-la  para o turismo,tendo em vista o seu valor histórico e cultural,  em sua maioria desconhecido pelas gerações mais jovens,  seria  uma forma de preserva esse patrimônio  como acontece em algumas M…